Parlamentares articulam para incluir aumento salarial na LDO de 2020

Foto: Sérgio Lima/AFP.

Deputados e senadores ganham hoje R$33,7 mil, mesma remuneração anterior dos ministros do Supremo. Mas, como no STF ganha-se agora R$ 39,3 mil, eles querem o aumento “como manda a Constituição”, segundo alegam. Também lembram que não têm aumento desde 2014. Por isso, foi retomada a articulação para incluir a equiparação na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), com gastos do governo para 2020. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Os ministros do Supremo passaram a ganhar R$ 39,3 mil no fim do ano passado, um aumento de 16%. Procurador-geral da República também.

Aumentos salariais para ministros do STF geram um efeito cascata, já que os salários dos magistrados das demais instâncias são vinculados.

Segundo consultorias da Câmara e Senado em 2018, o impacto anual nas contas públicas deve ser de R$4 bilhões com o efeito cascata.

Fonte: Fábio Campana